sábado, 12 de agosto de 2017 - 09:31h
Governo emite ordem de serviço para início da reforma da Escola Maria Neuza do Carmo
A obra vai custar aos cofres do Estado R$ 3,4 milhões e beneficiará cerca de 1.500 estudantes.
Por: Tony Briam .Colaboradores: Minália
Foto: Maksuel Martins/SECOM
Além de toda benfeitoria nos blocos de sala de aula, blocos administrativos e refeitório, a escola também será contemplada com a climatização de todas as salas de aula e dos blocos da administração escolar.

Na segunda-feira, 14, o governo do Estado emitirá por meio de sua Secretaria de Infraestrutura (Seinf) a ordem de serviço para execução da reforma e ampliação da Escola Estadual Maria Neuza do Carmo, no bairro Jardim Felicidade I, Rodovia do Curiaú, zona norte de Macapá. A obra vai beneficiar cerca de 1.500 estudantes.

A obra da escola está orçada em R$ 3.423.697,71 milhões e vai contemplar a construção de um vestiário, a reforma dos seis blocos, a construção de uma quadra de vôlei de praia, reforma e construção de uma arquibancada na quadra poliesportiva.

O secretário de Infraestrutura, João Henrique Pimentel, explicou que após a emissão da ordem de serviço a empresa responsável pela obra, escolhida através de um processo de licitação, poderá iniciar os trabalhos. A obra deve ser executada em aproximadamente 10 meses.

Além de toda benfeitoria nos blocos de sala de aula, blocos administrativos e refeitório, a escola também será contemplada com a climatização de todas as salas de aula e dos blocos da administração escolar.

A Secretaria de Estado da Educação (Seed) informou que a escola não sofrerá paralisação das aulas, pois a reforma e ampliação será executada por blocos e haverá adequações de ambientes para comportar os alunos. Atualmente a Escola Maria Neuza atende uma demanda de 1.566 alunos, distribuídos no ensino fundamental II, ensino médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Com as aulas em andamento, todos os 200 dias letivos e 800 horas/aula serão aproveitados, viabilizando o ensino sem prejudicar a comunidade escolar e contemplando a melhoria do ambiente escolar.

Técnicos da Seinf e da Seed têm reunido com a comunidade escolar para discussões sobre os detalhes da reforma e como a obra deve acontecer sem prejudicar o ano letivo dos alunos.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá