quinta, 29 de junho de 2017 - 15:30h
Governo do Estado inicia revitalização da Fortaleza de São José de Macapá
A previsão é que a obra seja entregue em dezembro deste ano, e vai custar R$ 3 milhões aos cofres do Estado
Por: Tony Briam
Foto: Ruan Alves
As obras incluem as partes interna e externa da edificação

O Governo do Estado do Amapá deu início às obras de revitalização da Fortaleza de São José de Macapá e seu entorno. Os técnicos começaram os trabalhos pela parte elétrica, que já estava muito comprometida. A previsão da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinf), que coordena os trabalhos, é que a obra seja entregue em dezembro deste ano.

Nesta quinta-feira, 28, os representantes da Seinf, Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) estiveram reunidos na Fortaleza para definir as estratégias de condução da obra, de forma que não altere a estrutura do patrimônio.

De acordo com a Seinf, as obras, orçadas em R$ 3 milhões, vão se concentrar nas partes externa e interna. Na parte sul da edificação, os trabalhos serão de recuperação da iluminação, reforma do playground e revitalização dos banheiros. No setor norte, será realizada a recuperação da iluminação e do espelho d’água. Os dois transformadores que alimentam todo o parque serão trocados.

A parte interna, também, vai passar por reforma. Toda as estruturas de madeira como esquadrias, por exemplo, serão trocadas. Mas a parte mais delicada da obra será a restauração das casamatas, que hoje sofrem com infiltrações. O trabalho será de responsabilidade de um engenheiro restaurador.

“Uma das prioridades do governo do Estado é a restauração e a reforma desse complexo, muito utilizado pela população de Macapá e turistas. Além disso, existe o compromisso com o resgate e a manutenção da história do povo amapaense”, complementou o secretário adjunto da Seinf, José Rui Bonatto.

Patrimônio

De acordo com o Iphan, a Fortaleza de São José de Macapá é patrimônio nacional e concorre mundialmente com outras fortificações para ser reconhecida como patrimônio mundial.

“Além do resgate da historicidade do Estado, a obra da Fortaleza São José dará a visibilidade necessária para que o monumento seja reconhecido mundialmente”, ressaltou o secretário de Estado da Cultura, Dilson Borges.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá